Minos de Griffon

De Nikkeypedia

Minos de Griffon.
Minos de Griffon.

Minos é um dos três juízes do inferno na série Cavaleiros do Zodíaco, criada por Masami Kurumada.


Conteúdo

[editar] Origem do nome

Minos é o nome de um semi-deus rei da Ilha de Creta, que deu origem à civilização minóica e se tornou um dos juízes do inferno que avalia os pecados.


[editar] Sapuri

Grifo são criaturas cuja parte dianteira é uma águia, e a traseira um leão. Era um símbolo de nobreza e de sua imagem aparece em muitos brasões de famílias nobres, por isso ser considerado a estrela da nobreza. Eram dedicados a Apolo e guardavam os seus tesouros, matando todos aqueles que ansiavam por suas riquezas. Na Divina Comédia, um Grifo que puxava uma carruagem representava a Igreja conduzida por Cristo, pois o Grifo reina tanto na terra como no céu, assim como um leão é o rei da terra e como águia é o rei do céu. Eles vivem em áreas desertas e eram inimigos das serpentes e basilisco, consideradas criaturas satânicas.


[editar] Histórico

[editar] Série cronológica

Um dos mais poderosos guerreiros do Submundo, Minos de Grifo é bastante respeitado dentro do Exército de Hades, devido ao seu poder e sua alta qualificação. Minos é um dos três famosos juízes do inferno e tem um grande poder de comando sobre os espectros que lutam pelo deus Hades.

Juntamente com Aiacos de Garuda, Minos aparece investigando uma luta entre Radamanthys de Wyvern e Kanon de Gêmeos. Minos ironiza Radamantys, dizendo que este está com problemas para vencer um simples cavaleiro de Atena. Minos toma controle da luta e rapidamente coloca Kanonsob o efeito da Marionete Cósmica. Kanon se encontra num estado crítico, Minos tem o controle de todo o seu corpo. Minos mostra seu sadismo quando começa a torturar Kanon, quebrando um de seus dedos e fazendo o geminiano gritar de dor quando Grifo faz seu corpo começar a se contorcer em diferentes ângulos, até a libertação pelas mãos de Ikki de Fênix.

Depois de Ikki de Fênix derrotar Aiacos de Garuda, Minos foi investigar a presença dos doze poderosos cosmos que apareceram na sala do trono de Hades, em Giudecca. Quando ele chegou, foi confrontado por Seiya de Pégaso, Shun de Andrômeda, Shiryu de Dragão e Hyoga de Cisne, que tinham como objetivo evitar qualquer interferência no trabalho dos Cavaleiros de Ouro. A explosão dos cosmos dourados jogou Minos de Grifo longe de Giudecca.

Apesar de ferido, o espectro não foi morto pela energia da explosão e rapidamente se recuperou para fazer frente aos cavaleiros remanescentes. Seiya e Shun foram lançados para a hiperdimensão além do Muro das Lamentações e Shiryu estava com outros três espectros: Queen de Mandrágora, Gordon de Minotauro e Sylphid de Basilisco. Hyoga decidiu ficar para lutar com Minos.

Naquele momento, Minos bloqueava todos os golpes de Hyoga, que chegou à congelar os fios da marionete e atacou com a Execução Aurora. Depois de pensar ter derrotado Minos, Hyoga vai em direção à hiperdimensão, porém a luta ainda não tinha acabado, pois Minos segurava o Cavaleiro de Bronze com uma das cordas e o seguiu para continuar a batalha. No entanto, como somente os deuses podem entrar nos campos elísios, Minos não sobreviveu ao atravessar o muro das lamentações e seu corpo virou pó. Hyoga sobreviveu porque usava a armadura de cisne renascida por sangue de um deus (Atena).

[editar] Lost Canvas

Minos surge na catedral de Hades a pedido do mesmo. O Imperador do Submundo ordena que Minos escolha seus soldados e inicie um ataque ao Santuário. Então Minos o faz, e ao chegar lá, encontra o seu algoz: Albafica de Peixes. O cavaleiro de ouro usa as Rosas Vermelhas para derrotar vários espectros. Niobe de Deep, que estava na tropa de Minos sem ser originalmente dela, decide atacar. Depois de derrotá-lo, Albafica parte para cima de Minos. Usando a Marionete Cósmica, Minos subjuga Albafica, quebrando o braço direito do cavaleiro.

Então Minos ordena que os espectros sobreviventes destruam a Vila Rodorio, morada de Albafica, mas acabam vencidos pela barreira de rosas. Minos continua a torturar Albafica, que tenta o Espinho Carmesim, porém Minos o subjuga novamente defendendo seu golpe, e com a Marionete Cósmica, quebra os ossos de Albafica, aparentemente matando ele. O juiz se dirige à Vila Rodorio e inicia a destruição, quando é confrontado por Shion de Áries. O cavaleiro de ouro cai na Marionete Cósmica, mas Albafica volta à luta, atacando Minos novamente com o Espinho Carmesim. Este golpe de Albafica foi apenas uma distração, para que a Rosa Branca fosse cravada no coração de Minos, que acaba morto. Albafica também falece devido ao sangue que perdeu para alimentar a rosa.


[editar] Golpes

Marionete Cósmica.
Marionete Cósmica.
  • Marionete Cósmica (Cosmic Marionetion): Inúmeros fios são lançados por meio de seu cosmo. Estes, uma vez aplicados ao corpo do oponente, oferecem todo o domínio, deixando com que o manipulador decida até onde este poderá viver. Pelo fato da técnica, uma vez aplicada, causar dores insuportáveis, o oponente não consiguirá escapar. Os Fios sao invisiveis a visão do oponente, por essa caracteristica, a Marionete Cosmica pode ser feita por Minos sem ao menos o oponente perceber que foi pego.



Asas Infernais.
Asas Infernais.


  • Asas Infernais (Gigantic Feathers Flap): O bater de asas da Surplice de Grifo emana uma grande concentração cósmica de maneira a formar um verdadeiro furacão. Esse se expande até explodir em pura energia devastando o local em um ataque assustador.








[editar] Batalhas

[editar] Combateu

Kanon de Gêmeos, Seiya de Pégaso, Shiryu de Dragão, Shun de Andrômeda, Hyoga de Cisne


[editar] Derrotado por

Ao entrar na hiperdimensão durante a luta contra Hyoga sem proteção de um deus e tem seu corpo explodido.

[editar] The Lost Canvas

[editar] Combateu

Albafica de Peixes e Shion de Áries

[editar] Derrotado por

Albafica de Peixes


[editar] Predefinição:Veja Mais

Wikipedia

[editar] Predefinição:Vídeos

Albafica de peixes vs Minos de Griffin parte 1


Albafica de peixes vs Minos de Griffin parte 2


Albafica de peixes vs Minos de Griffin parte 3

Ferramentas pessoais